sábado, 30 de janeiro de 2010

- A Realidade do amor ;


Veja que estes fatos nos trouxe toda a realidade, mesmo que nos tenha deixado à beira do precipício da maldade. Sinto que exibes a dor sem ter a razão. Mostras o coração na palma da sua mão, mas já não tem força, eram seus dedos para me prender. Queria tanto sair do sonho e passar para o viver. Queria que nenhum de nós dois tivesse medo ou cicatrizes. O que mais queria era ter estado com você quando o seu coração descobriu o que era amor, quando os seus sentimentos estavam à flor da pele. Pena que nem agora podemos viver o que queremos, o coração está viciado de tanta dor e amargura que tens me ofertado. Como faço pra me livrar de um passado tão sofrido, mas que em toda noite fria que tento dormir sempre me arranca um belo sorriso ao lembrar de todos os sonhos? Nem me lembro quando foi a última vez que sonhei dormindo. Vivo acordada. Sonho de lado. Sonho com você me fazendo afagos enquanto finjo dormir. Apressei o passo, mas não era pra fugir de ti, era pra acompanhares a minha sombra e nunca deixar o vento levar este amor que é tão leve quanto o ar.O amor ainda estar em mim, mais já não é suficiente pra ter  você de volta.Acredite ! Lembranças se tornam tão reais quanto sua ausência,elas que pra mim eram sinônimo de felicidade hoje são apenas lembranças.Adoro surpresas sem datas e em uma delas você se foi levando consigo a felicidade de um coração que hoje chora de tanta solidão .

- Carlo Lagos ;
- Luana Medeiiros*

5 comentários:

FatoSempalavras. disse...

Esses corações andam sempre pedindo atenção, né?

O nosso pode não bater no mesmo compasso, mas temos um entendimento mútuo....Admirável.


Obg por me ajudar, sim?

Incontáveis abraços.

Tania Girl disse...

Oiii
lindo post, achei muito triste pra falar a verdade...
Estou visitando os blogs e todos os post que estou lendo estou achando tão tristes... talvez a culpa seja minha, ou talvez o dia não está sendo bom para ninguém..
gostei d+ do post!
bjos

Anamaria Lima disse...

ahan , concerteza é isso mesmo ;D
aah adorei o que você escreveu ;D belas palavras *--*
beijos :*

Lua disse...

Que dor Lu, que triste :/
O amor quando se vai, quando não se tem mais doí e a solidão fica sendo nossa miga..

Se cuide e
Bom fim d semana e beijos querida.

Luh* disse...

Own o amor dói, mas é uma dor q as vezes pode valer a pena! to aki torcendo por vc, e acredite passa!
beijos

Postar um comentário

Que bom ter tomado um chá com biscoitos com você.Agora fale-me dos seus romantismos; Obrigada e volte sempre!!!